• Cansaço e falta de ar? Você pode ter insuficiência cardíaca

    Cansaço e falta de ar? Você pode ter insuficiência cardíaca

    Cardiologista do Hospital Evangélico explica quando é hora de procurar ajuda

     

    Você já sentiu um grande cansaço ou falta de ar ao desenvolver atividades diárias como por exemplo tomar banho, vestir-se, arrumar a casa, caminhar com seu cachorro, subir alguns degraus de escada ou fazer compras? Já notou inchaço nos tornozelos ou pernas ao final do dia? Teve um ganho de peso súbito? Se respondeu sim a pelo duas dessas perguntas, você pode estar com insuficiência cardíaca(IC).

    De acordo com o cardiologista Dr. Luiz Bento Coelho, a IC é definida como a incapacidade do coração em atender as necessidades metabólicas do organismo. Em outras palavras, é quando o coração tem dificuldades em bombear o sangue de maneira adequada e suficiente para suprir as necessidades de oxigênio e nutrientes dos tecidos e órgãos do corpo. Os principais sintomas da IC são: limitações para realizar as atividades diárias, falta de ar anormal durante esforço, cansaço, edema (inchaços) nos membros inferiores e ganho de peso. “Quando a pessoa sentir muito cansaço e falta de ar aos esforços progressivos e às vezes acordando de madrugada e tendo que se sentar na cama, é hora de procurar o médico,” alerta o cardiologista.

    A insuficiência cardíaca é uma doença crônica de longo prazo, embora possa, às vezes, se desenvolver repentinamente. Ela pode afetar apenas um dos lados do coração e mesmo que se desenvolva em somente um lado do coração, ambos os lados acabam sendo afetados conforme o tempo vai passando. Como a função de bombeamento do coração está comprometida, o sangue pode retornar a outras áreas do corpo, acumulando-se, por exemplo, nos pulmões, fígado, trato gastrointestinal, braços e pernas. Com isso, faltam oxigênio e nutrientes para os órgãos onde houve acúmulo de sangue, prejudicando e reduzindo a capacidade destes de trabalhar adequadamente.

    No Brasil a causa mais comum da insuficiência cardíaca é a doença arterial coronariana (DAC), um estreitamento dos vasos coronarianos, responsáveis por levar oxigênio ao músculo cardíaco, pela presença de placas de gordura podendo levar a isquemia e infarto.

     

    Fique atento aos sintomas

    A maioria dos diagnósticos é baseada na história clínica do paciente, nos sintomas e no exame físico. Os exames laboratoriais e de imagem serão complementares e poderão ajudar no tratamento, que deve ser individualizado para cada paciente, dependendo de alguns fatores como a causa da IC, os sintomas e as complicações clinicas apresentadas. Em geral, o tratamento é feito com restrições na dieta, perda de peso e medicação específica.

    Mas o médico alerta. “Não se pode ignorar os sintomas. Ao sentir algum sintoma é preciso procurar logo ajuda profissional, se não o quadro pode se agravar. Em casos mais extremos, o tratamento é feito através de marcapassomultisitio (o conhecido marcapasso) – aparelho que estimula o átrio direito e os dois ventrículos ao mesmo tempo”, disse. Além disso, segundo o cardiologista, o tratamento fundamental é o da patologia que o levou a Insuficiência Cardíaca. As causas mais comuns são hipertensão arterial e diabetes.